Notícias

Notícias

31/08/2018

Mostra de Teatro do Auxiliadora começa na próxima terça-feira

Projeto comemora 30 anos de atividades no colégio


O Colégio Auxiliadora, de Ribeirão Preto, dará início, no próximo dia 4, a mais uma edição do projeto “Auxiliadora Mostra seu Teatro”. Os espetáculos, abertos ao público, serão realizados todas as terças-feiras de setembro, às 20 horas, no teatro da escola – situado à rua Cerqueira César, 191, no Centro. O elenco das peças será formado por mais de 70 alunos dos 7ºs anos à 3ª Série do Ensino Médio. Os ingressos custam 1kg de alimento não perecível ou 1 litro de leite.

Com o tema “100 anos de Auxiliadora: 30 anos de teatro – um canto à vida”, o projeto acompanha as celebrações do centenário do colégio. Em 2018, o programa de aulas teatrais comemora 30 anos de atividades ininterruptas na escola. “Ao longo de todo este tempo, tendo como raízes profundas os sonhos e as práticas de Dom Bosco, que via no teatro e no circo um caminho vivo e alegre para mobilizar os jovens, o Auxiliadora sempre compreendeu as atividades teatrais como complementação na formação integral de seus alunos”, diz José Maurício Cagno, que atua há 29 anos como professor de teatro da instituição.

O professor – e diretor das peças – também lembra que o projeto “Auxiliadora Mostra seu Teatro” é o resultado de um ano inteiro de atividades e dedicação, no qual trabalha-se, por meio de jogos teatrais e dramáticos, o desenvolvimento da criatividade, a fluência mental e verbal, a apuração do senso estético, o autoconhecimento através dos desafios, a socialização e outras importantes capacidades dos alunos. Nestes 30 anos, as aulas já foram oferecidas para cerca de 1.500 estudantes. “Venham participar e celebrar conosco este momento tão especial”, convida Cagno.

Espetáculos

A peça que abrirá a mostra, na próxima terça-feira (04/09), é “Alice no País das Maravilhas”, de Lewis Carol. Clássico da literatura mundial, o texto é considerado por muitos estudiosos como sendo um precursor da psicanálise. Além de perdurar ao longo dos tempos, atinge qualquer idade, significando muito para cada uma delas. O espetáculo será interpretado pelos alunos dos 8ºs anos.

No dia 11 de setembro, será a vez dos alunos do Ensino Médio subirem ao palco. Eles encenarão o “Auto da Barca do Inferno”, escrito por Gil Vicente. Outro clássico da literatura, a história trará questões profundas sobre o ser humano, independente da época vivida, tópicos que realmente são constitutivos do ser, dos valores, da convivência social e do entendimento e compreensão da existência.

“Um conto de flauta e de corações”, texto de Américo de Souza, será apresentado, no dia 18 de setembro, pelos alunos dos 7ºs anos. A peça traz a história de um pequeno vilarejo onde os moradores perderam a capacidade de se sensibilizar com a música e com a poesia. Assim, acabam expulsando o velho flautista que encantava o lugar com suas canções. Por esta dureza no coração, toda a alegria some da vida das pessoas. Porém, a esperança será depositada em um menino que, por ter o coração puro e aberto, tocará de novo a flauta e todos voltarão a ser felizes.

A Mostra de Teatro será encerrada no dia 25 de setembro, com o espetáculo “Fausta”. O texto, escrito por autores de Ribeirão Preto, faz uma criativa fusão de dois clássicos da literatura mundial: de um lado, Fausto, de Goethe, e do outro, um dos contos dos Irmãos Grim – “Os Cirurgiões”. Em uma linguagem que nos arremete ao universo do realismo fantástico, questões de cunho ético e moral serão abordados de forma direta neste trabalho. A história será interpretada pelos alunos dos 9ºs anos.

Postado por: marcella Publicado em: 31/08/2018 Mais notícias

Diferenciais

Ensino